Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Fim de ano, de 2009

Andei ausente aqui, de bico calado, pois se o abrisse iria explodir muita coisa, mas preferi o bom senso e a prudência. Preferi ao invés, dedicar o meu tempo para construção do meu novo site, que aliás estou adorando, o MacaenseBR no http://www.macaensebr.viviti.com
Estava devendo isso para mim, após decidir separar as coisas no portal Projecto Memória Macaense (PMM) no http://www.memoriamacaense.org. Afinal de contas, os dois têm uma função bem diferente. Cada um, cada qual, com os seus assuntos. Agora tenho a sensação de ter liquidado um dos pesos que estava dentro de mim.
Até pensei que o site MacaenseBR dedicado à comunidade macaense do Brasil e também uma extensão do PMM, poderia até “acabar” com este blog, mas à medida que o construia, vi que também é cada um, cada qual, o blog é uma coisa e o site é outra coisa. Têm linguagem diferente. Não dá para escrever deste jeito, como o estou a fazer.
Lamentando que em 1999 não tinha um site para falar do momento histórico da transição, entendi que os 10 Anos da celebração do estabelecimento da RAEM, uma maneira muito sensata de Macau para se referir à data, era o momento também para eliminar este lamento. Aliás é justa a celebração, pois como disse no editorial do MBR, a Macau de hoje não é aquela que temiamos há 10 Anos atrás. Obviamente que muitos citarão outros detalhes, mas a avaliação é feita de forma genérica. De um modo, a comunidade macaense e portuguesa em Macau poderia estar esquecida e desprezada, mas foi apenas no “poderia”, graças a Deus. Um assunto que irei falar aos poucos.
Convidei os presidentes e ex-presidentes das Casas, e novo presidente do RJ para fazerem o seu depoimento sobre a data. Fiquei satisfeito com 9 adesões, embora ainda não está encerrado, pois o espaço será eterno enquanto o MacaenseBR existir. Os critérios, depois entro em detalhes e saberão me entender muito bem pelos detalhes a relatar. Foi bom para os que aderiram até esta data, pois após minha divulgação ampla, o Jornal Tribuna de Macau divulgou detalhes dos depoimentos que farão parte da história de registos da data. Penso que os dirigentes ou ex-dirigentes das Casas podem falar pela comunidade. Muitissimo obrigado a todos! Cumprimos a nossa missão!
Para não ser um cheong hei (falador), encerro o 2009 aqui, desejando a todos um Feliz Natal, Boas Festas e um belo ano novo para todos nós, às nossas comunidades de residentes e da diáspora. Abraços !!! Rogério P.D. Luz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 18/12/2009 por em CRONICAS MACAENSES, Pessoais.

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.206.985 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

No livro “Meio Século em Macau” de J. J. Monteiro (José Joaquim Monteiro) composto por dois volumes, nas últimas páginas do Volume II estão as letras da canção “Macau (linda)”, que infelizmente não temos a gravação e nem se sabe se houve, talvez nos arquivos pessoais de algum macaense ou familiares. Trata-se de uma música […]

Brasão de Armas de Macau

Brasão de Armas de Macau

Os Brasões de Macau portuguesa são todos inspirados nos estilos heráldicos tradicionais da Europa. O primeiro brasão de armas de Macau foi usado até ao final do século XIX. É apenas constituído pelas armas de Portugal cercado pela inscrição Cidade do Nome de Deus, Não Há Outra Mais Leal. O segundo brasão de armas foi […]

Jantar de Boas-Vindas e Sessão de Abertura e do Encontro das Comunidades Macaenses–Macau 2019

Jantar de Boas-Vindas e Sessão de Abertura e do Encontro das Comunidades Macaenses–Macau 2019

A Sessão Solene de Abertura e Jantar de Boas Vindas do Encontro das Comunidades Macaenses – Macau 2019, oferecida pelo Governo da RAEM, foi realizada em 24 de Novembro de 2019 no Hotel Sheraton Grand Macao, Cotai Central, na Ilha da Taipa de Macau O Chefe do Executivo, Fernando Chui Sai On, cujo mandato se […]

%d blogueiros gostam disto: