Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P. D. Luz,

Vista Geral

(fotografias de Rogério P.D. Luz – clicar para aumentar)

No meu penúltimo dia de estadia em Ouro Preto, cidade histórica de Minas Gerais, já tirei cerca de 2 mil fotos dela e das cidades de Congonhas, Mariana, Tiradentes e São João del Rey.

Ouro Preto desperta o seu olhar de composição fotográfica, a cada esquina, a cada rua.  Se gosta de história e a paisagem que nos remete ao passado, uma pessoa “não pode morrer sem ter visitado Ouro Preto”. 

Sentir a arte de escultura e de pintura.  O ouro que fascinou os portugueses e fez as igrejas.  Uma cidade onde Macau não é uma grande desconhecida. Os jesuítas de Macau trouxeram detalhes chineses no vermelho que decoram altares, as tais “chinesices mineiras”, assim contam os livros e os guias de turismo. Muitos santos têm olhos “puxados” orientais, influência de Macau.

Conheça um pouco mais de Ouro Preto pelas imagens que registrei em dois dias, além de outras cidades citadas, históricas e não tanto assim que até desperta preocupação pelo processo evolutivo de depredação de lugares históricos.  Algo que a especulação imobiliária mostra o seu lado selvagem e assassino da história.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 804,326 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Fotoblog do Projecto Memória Macaense

O Ano Novo chinês celebrado pela comunidade macaense de São Paulo

O Ano Novo chinês celebrado pela comunidade macaense de São Paulo

Para celebrar o Ano Novo chinês de 2018, dando início ao Ano do Cão, a Casa de Macau de São Paulo reuniu a comunidade macaense e amigos para um almoço especial, recheado de boa comida chinesa de dar água na boca. Era a oportunidade para comer, infelizmente, uma vez ao ano, o chái, ou comida de […]

Uma foto, uma memória de 63 anos atrás em Macau

Uma foto, uma memória de 63 anos atrás em Macau

No almoço especial do Ano Novo chinês realizado na Casa de Macau de São Paulo em 18 de Fevereiro de 2018, o macaense José Noronha, 83 anos, andava a mostrar uma foto antiga para algumas pessoas que tinham mais ou menos a sua idade. Procurava ele matar as saudades dos velhos tempos em Macau. Macaense […]

Memórias de S.Paulo 2006 – festa de aniversário da Casa de Macau

Memórias de S.Paulo 2006 – festa de aniversário da Casa de Macau

Passaram-se 11 anos, não parece muito, mas vários conterrâneos e amigos nas fotos que publico da festa do 17º aniversário da Casa de Macau de São Paulo em 2006, promovida em 29 de julho, não estão mais conosco. Ficaram os bons momentos registrados da boa confraternização. Vale um momento de reflexão para sempre procurarmos um […]

%d blogueiros gostam disto: