Cronicas Macaenses

Blog-magazine de Rogério P. D. Luz, de cara nova

Valle Nevado

Valle Nevado, Chile

(fotografia de Rogério P.D. Luz – clicar para aumentar)

CHILE – VALLE NEVADO

Situado a 46 quilômetros de Santiago, capital do Chile, Valle Nevado é um centro de esqui situado na Cordilheira dos Andes, um ponto turístico muito visitado por quem visita a cidade, ou então para quem queira praticar o esporte.  No nosso caso, sem nenhuma pretensão de esquiar, fomos visitá-lo na época certa, no fim de Setembro, quando a temporada de esqui já se encontrava encerrada, e assim, não havia nenhuma restrição de acesso à toda a região  Ou seja, totalmente liberado para você andar pela neve e contemplar a incrível paisagem das montanhas, pois em plena temporada você ficaria limitado aos hotéis e o pouco comércio, se não quiser esquiar, o que deixaria o passeio incompleto.

Contratamos ainda no Brasil, pela internet, o passeio para o Valle Nevado e funcionou bem.  Na hora marcada lá estava o motorista com uma van, e por sorte, não havia nenhum outro turista, ficando o carro totalmente à nossa disposição.  A rigor não precisava se preocupar em contratar previamente, pois os tours podem ser contratados com agências de turismo na recepção do hotel, ou se quiser exclusividade, com os motoristas de táxis indicados por eles.

o início da subida pela montanhas que compõem a Cordilheira dos Andes. Já ao fundo: “neve à vista”!!!

Para chegar ao topo do centro do esqui, a viagem dura cerca de uma hora e meia.  A estrada estreita e muito sinuosa com 60 curvas, é uma aventura e oferece a vista de belas paisagens.  Conforme aconselhado, tomamos comprimido para enjôo, pois essas curvas em sequência, muitas a 180 graus pode provocar mal estar, agravado pela altitude, só que, um incoveniente, dá sono e foi um  esforço para não cochilar.  No início da subida, paramos numa loja para alugar botas para andar na neve, onde também se aluga esqui ou snowboard (prancha) e outros acessórios. A paisagem de montanhas de neve vai aparecendo aos poucos, a cada curva, o que para quem nunca a viu ao vivo, provoca certa emoção “tal como no cinema”. É simplesmente fascinante!!!

Belas paisagens na subida pela estrada estreita, sinuosa e irregular.

Valle Nevado, está a 3.205 metros sobre o nível do mar, isso garante a neve em qualquer inverno. A sua história de acordo com o Wikitravel diz que: foi criado em 1988 por empresários franceses, seguindo o padrão dos melhores resorts de esportes de inverno existentes na Europa. Atualmente é o maior centro de práticas de esportes relacionados à neve no hemisfério sul.  A temporada começa em Junho e termina em Outubro. O resort tem aproximadamente 800 hectares de área para esqui composta por 102 trilhas, dessas 14% são para principiantes, 30% para intermediários, 42% para avançados e 14% para experts. A estação possui no total 8 teleféricos.

Curvas na subida de até 180 graus

Uma das preocupações, o que ocasionou a nossa volta, um tanto prematura, é pela passagem de uma nuvem densa ou que ela fica estacionada na montanha.  Dizem que a estrada chega a ficar interditada por falta de visibilidade e por segurança, e isso aconteceu quando já estavamos lá por umas duas horas.  O motorista deu o alerta e saímos de lá rapidinho, procedimento tomado por outros tours, mas felizmente era uma nuvem passageira e a estrada estava livre e com visibilidade normal.  Um fato interessante foi que, enquanto curtíamos a neve, houve um tremor de terra, algo habitual no Chile, o que fez a Mia sentir tonturas, mas não percebi isso.  Depois nos disseram que foi um tremor de pequena escala, sem maiores consequências.

A varanda do complexo hoteleiro de Valle Nevado com bar, conveniências e acesso para a pista de neve.  Está tudo liberado para passear e brincar como quiser, isso por estar encerrada a temporada de esqui no de Setembro

Caminhada livre até onde quiser. Não há nenhum controle.

Valle Nevado tem três hotéis, edifícios residenciais, seis restaurantes, além de pubs e bares.

Já é Primavera e parte da neve já derreteu proporcionando uma paisagem mista de terra vermelha e neve

Aqui o autor do blog brinca com bolinha de neve

Um frio suportável durante o dia, talvez a temperatura girando em torno de zero grau ou pouco menos.

Podia-se sentir entre os turistas, a maioria brasileiros, o prazer de estar no lugar. Chile é uma opção barata de turismo e é “invadida” pelos brasileiros em qualquer estação, pois além de tudo fica perto do Brasil. Santiago fica a pouco mais de três horas de vôo de São Paulo.

O turista dá um abraço à natureza

Como está tudo liberado para se divertir como quiser, é preciso tomar muito cuidado para não ser atropelado por um snowboard que vêm de todas as direções, conduzidos por turistas entusiasmados com a neve. Os snowboards podem ser alugados no início da subida das montanhas. No local não há loja para alugar esses e outros apetrechos.

Os teleféricos no fim da temporada de esqui ficam desativados.

Uma nuvem densa invade Valle Nevado. Hora de ir embora pois se ela ficar estacionada pode interditar a estrada ou tornar perigosa a descida da serra e os motoristas de tours não gostam disso.

a estrada passa ao lado de montanhas de neve e nas laterais vê-se água a escorrer com o derretimento da neve já na primavera.

Um último olhar no Valle Nevado. Deu saudades e muita vontade de voltar, e quem sabe, pernoitar num dos hotéis.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 717,744 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Fotoblog do Projecto Memória Macaense

Memórias de S.Paulo 2006 – festa de aniversário da Casa de Macau

Memórias de S.Paulo 2006 – festa de aniversário da Casa de Macau

Passaram-se 11 anos, não parece muito, mas vários conterrâneos e amigos nas fotos que publico da festa do 17º aniversário da Casa de Macau de São Paulo em 2006, promovida em 29 de julho, não estão mais conosco. Ficaram os bons momentos registrados da boa confraternização. Vale um momento de reflexão para sempre procurarmos um […]

Vídeo “O silêncio de um bandolim” à memória de Adalberto Remédios

Vídeo “O silêncio de um bandolim” à memória de Adalberto Remédios

O que o Adalberto Remédios mais gostava era tocar o seu bandolim. Uma paixão desde jovem nos bons tempos antigos de Macau (ex-território português na China). Costumava tocar nas festas e atividades externas da Casa de Macau de São Paulo, formando um trio com o Clemente Badaraco (viola/violão/bandolim) e Manuel Ramos (baixo/percussão), até se mudar com […]

O Dia de Portugal na Macau portuguesa de 1973, em vídeo da RTP

O Dia de Portugal na Macau portuguesa de 1973, em vídeo da RTP

Outro vídeo da saudosa Macau sob administração portuguesa nas comemorações do Dia de Portugal em 1973, na época em que o governador era  o general Nobre de Carvalho . Faz parte dos arquivos da RTP Rádio e Televisão Portuguesa que foram disponibilizados ao público no seu aniversário de 70 anos. “Macau, Campo Desportivo 28 de […]

%d blogueiros gostam disto: