Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Buenos Aires – Plaza de Mayo

Dando continuidade às postagens sobre os cruzeiros marítimos que fiz no Natal nos últimos dois anos, pelos navios Costa Victoria e o MSC Armonia, dois dias depois da partida do Rio de Janeiro chegamos a Buenos Aires (BA), capital da Argentina. Adoro esta encantadora capital portenha. Há algo nela que me atrai e que me faz querer sempre voltar, sendo 2011 a 5ª vez e a primeira visita foi no inícios dos anos 80.  Talvez o Natal de 2012 seja a sexta vez, apesar do “temeroso fim do mundo” anunciado para 20 de Dezembro.

Vou falar da Plaza de Mayo ou Praça de Maio, onde estão os principais pontos turísticos de Buenos Aires:

CASA ROSADA: Quem não ouviu falar de Evita Perón ou assistiu ao filme dela estrelado por Madona, ou conhece a canção Don’t Cry For Me Argentina? Foi na sacada da Casa Rosada que Evita discursava para o povo.  A própria Plaza de Mayo é e sempre foi o palco para protestos e manifestações do povo.  O lugar onde as Madres (mães) dos filhos desaparecidos na época das ditaduras militares, que imperavam na Argentina por longos anos, fazem manifestações para lembrar estes episódios negros na história do País.

A Casa Rosada é a sede do governo e da presidência da República.  Foi construída em 1565, embora de original mesmo somente restou o arco de acesso e um edifício no seu interior.  Chama atenção a sua cor rosada, para a qual não há uma explicação oficial.  Uma diz que na época foi misturada uma tinta barata com sangue de animal da cor.  Outros dizem que era a mistura das cores vermelho e branco, ligadas a dois partidos políticos da época.

Numa outra postagem mostrarei mais imagens e detalhes da Catedral Metropolitana e do mausoléu de San Martín

PLAZA DE MAYO: É a praça mais importante da cidade de Buenos Aires. Foi criada em 1580, quando Juan de Garay fundou a cidade. No início era chamado de Plaza Mayor ou Plaza Grande. A praça era o lugar onde os comerciantes se reuniam para vender seus produtos. A praça foi palco de importantes acontecimentos históricos como as Invasões Inglesas e da Revolução de Maio (primeiro governo independente). A praça foi ajardinada no final do século XIX e foi reformada várias vezes. A Praça de Maio foi bombardeado pelos militares que tentaram derrubar o governo em 1955. Muitas manifestações foram reprimidas pelas forças de segurança como, por exemplo, 20 de dezembro de 2001, durante a queda do governo de Fernando de La Rua. (do site oficial de Turismo da Argentina)

Prédios históricos à volta da Plaza de Mayo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.465.484 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

Dia de Macau – 24 de Junho de 2022 celebra 400 anos da maior derrota dos holandeses no Oriente, e Manuel V. Basílio nos conta como foi

Dia de Macau – 24 de Junho de 2022 celebra 400 anos da maior derrota dos holandeses no Oriente, e Manuel V. Basílio nos conta como foi

Hoje, 24 de Junho de 2022, comemora-se 400 anos de “A Maior Derrota dos Holandeses no Oriente” na sua tentativa de tomar Macau dos portugueses. Até a transição de soberania de Macau, de Portugal para a República Popular da China, em 20 de Dezembro de 1999, a data era comemorada como “DIA DE MACAU” ou “DIA DA […]

Macau: Bons tempos do Teatro Dom Pedro V recordados por Jorge Eduardo (Giga) Robarts

Macau: Bons tempos do Teatro Dom Pedro V recordados por Jorge Eduardo (Giga) Robarts

1 Aqueles bons tempos de Macau, que já não voltam mais, de peças teatrais com participação de macaenses, são recordadas por Jorge Eduardo (Giga) Robarts na sua página no Facebook. Com autorização do Giga, as imagens foram copiadas e editadas, inclusive seus textos. Fazem parte do seu acervo, bem como, partilhadas por seus amigos dessa […]

Duas histórias de Macau por Manuel V. Basílio: ‘A 1ª viagem portuguesa no sul da China’ e ‘O 1º acordo sino-português’

Duas histórias de Macau por Manuel V. Basílio: ‘A 1ª viagem portuguesa no sul da China’ e ‘O 1º acordo sino-português’

Nesta postagem, divulgamos duas histórias de Macau de autoria do Manuel V. Basílio, publicadas no Jornal Tribuna de Macau-JTM e que foram extraídas dos seus livros: A primeira viagem portuguesa no sul da China O primeiro acordo sino-português Nos artigos abaixo com os textos com ligação direta no JTM , clique em “continue reading” (continue […]

%d blogueiros gostam disto: