Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Fórmula 3-final

Vídeo dos destaques da corrida – clicar no símbolo com 4 setas para assistir em tela cheia

Vídeo completo do Grande Prémio de Macau de Fórmula 3 – 1h:16m

Félix da Costa vence o 30º Grande Prémio de Macau de F3 – 18/Novembro/2012

(fonte e fotos: site oficial do Macau Grand Prix)

António Félix da Costa adicionou hoje o nome à lista dos ilustres vencedores do Grande Prémio de Macau de Fórmula 3, graças a um extraordinário e exímio desempenho no intricado circuito da Guia.

A jovem arma portuguesa, ainda fresco do teste em F1 para a equipa da Red Bull Racing em Abu Dhabi, partiu da pole para a corrida de 15 voltas. Todavia, tal como ontem, na qualificação, teve de enfrentar a pressão de Felix Rosenqvist, logo à primeira volta, a caminho do Lisboa.

Mas uma manobra perfeita para direita pôs o Carlin-Dallara de novo na liderança e Félix da Costa novamente no controlo da prova, com ligeiro abrandamento a meio da sessão que o empurrou para uma histórica vitória.

“Fiz todas as voltas no limite”, disse o vencedor. “Tenho de agradecer à minha equipa, que conseguiu por isto tudo de pé. São tantos os grandes nomes na lista de vencedores… E, agora está lá o meu. Foi uma disputa cerrada, mas sempre com muito respeito e desportivismo. Penso que proporcionámos todos uma grande espectáculo.”

Rosenqvist terminou em segundo, depois da batalha com Felix da Costa ao longo de todo o fim-de-semana. O par correu quase sempre colado, separado por cerca de um segundo ao longo de toda a corrida e um diferença de um segundo e meio no final.

Alex Lynn manteve a posição do melhor estreante em Macau, ensombrando o par da frente durante toda a corrida e conseguindo a subida ao pódio no ano de estreia. Mas, não foi o único estreante a impressionar; o jovem alemão Pascal Wehrlein teve uma prova com muito crédito, consumada com a quarta posição, adiando as expectativas de Felipe Nasr, que regressou à Fórmula 3, vindo da GP2, de propósito para este evento.

O azarado da corrida foi Daniel Juncadella, vencedor de 2011, que perdeu assim a hipótese de se consumar como o segundo piloto a triunfar no evento, dois anos consecutivos, depois de ser forçado a abandonar a corrida devido a falha na suspensão, à quarta volta.

o resultado final da prova principal de F3 na sua 30ª edição no 59º Grande Prémio de Macau
* * * * * * * * * *

clicar para aumentar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.081.307 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

Missa e Te-Deum no Encontro das Comunidades Macaenses-Macau 2019

Missa e Te-Deum no Encontro das Comunidades Macaenses-Macau 2019

Como já vem acontecendo nos Encontros das Comunidades Macaenses realizadas em Macau, o programa de 2019 incluía uma missa e Te-Deum na Sé Catedral que foi celebrada no dia 26 de Novembro às 18:00 horas pelo Bispo de Macau, D. Stephen Lee Bun-sang. Uma celebração religiosa e ação de graças para agradecer por mais uma […]

O hotel em Macau que é uma galeria de arte

O hotel em Macau que é uma galeria de arte

O Hotel Casino (Cassino) Lisboa, de Macau, inaugurado em 3 de Fevereiro de 1970, seis anos após o início das obras em 1964, o primeiro dos tempos modernos do outrora território português na China por cerca de 440 anos, e devolvido para a China em 1999, é por excelência uma galeria de arte com peças […]

Num período de 52 anos, três encontros de amigos macaenses

Num período de 52 anos, três encontros de amigos macaenses

O macaense Carlos Cordeiro, hoje residente no Canadá, enviou ao autor deste blog, três fotos que espelham bem o convívio dele com dois amigos macaenses: Fernando Placé e José (Zé) Cabral, num período de 52 anos, de 1967 a 2019. Interessante ver o cuidado de fotografar o momento na mesma posição da foto original de […]

%d blogueiros gostam disto: