Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Macau 1958 em vídeo e imagens de vistas da cidade

Macau refugiados 1958 (08.1)

Macau 1958

Nesta postagem, complementando a de ontem “Cenas de Macau chinesa de 1958“, trago o vídeo publicado por Michael Rogge no seu canal de You Tube, embora não seja de sua autoria como tantos outros, com o título – Macau refugee problem in 1958 (problemas de refugiados em Macau, em 1958) – de onde extraí várias imagens que aqui tem o enfoque mais em vistas da Macau do ano em questão.

O filme de 16mm comentado em francês, o que caracteriza a procedência, Michael descreve na apresentação que Macau recebeu grande volume de refugiados que fugiram da política de Mao Tsé Tung de “O Grande Salto em Frente”. Diz que “muitos fugiram do continente chinês a nado. Muitos perderam as suas vidas.  Vê-se neste filme aqueles que tiveram sucesso na fuga, entre eles os cegos.  Instituições ocidentais de caridade ofereceram ajuda assim como o governo de Macau.  Em 1966 havia em Macau 80.000 refugiados.”

As imagens capturadas do vídeo não estão nítidas como desejado, pois nem a photoshop consegue fazer todos milagres, já que é uma cópia de um filme de película, no caso de 16 mm.  Para quem não saiba, e se não houver outra tecnologia que eu conheça, para copiar um filme deste tipo, que pode ser de Super 8, 8 mm, 16 mm ou 35mm, ele é projetado numa tela e o copiador utiliza uma máquina de filmar de vídeo para gravá-lo.  Depois pode editá-lo no computador e ainda melhorar um pouco a resolução, a cor ou contraste, isto é se o prestador de serviço tiver esta preocupação.

No vídeo podemos ver soldados do exército português, inclusive landins, e membros da Mocidade Portuguesa, a auxiliar na distribuição de suprimentos aos refugiados.  Lembro-me bem da época e pouco posterior, na minha infância e juventude, a ver grupos de refugiados conduzidos por policiais a pé pelas ruas, umas vezes subindo a Av. Almeida Ribeiro vindo do Porto Interior.  Muitos traziam sorrisos de alívio nos rostos pelo sucesso da fuga.  Alguns dos cegos eram vistos nas arcadas de São Domingos. Tempos interessantes vividos na minha terra, que pouca importância dávamos ao fato na época, mas hoje são históricos e representaram uma fase importante da terra.

O vídeo “Macau refugee problem in 1958”:

As imagens capturadas do vídeo:

(clicar nas fotos menores para ampliar)

Macau 1958

Macau 1958

Macau refugiados 1958 (02.1)

Macau refugiados 1958 (05.1)

Macau refugiados 1958 (06.1)

Macau refugiados 1958 (07.1)

Macau refugiados 1958 (11.1)

Macau refugiados 1958 (16.1)

Macau refugiados 1958 (17.1)

Macau refugiados 1958 (18.1)

Macau refugiados 1958 (21.1)

Zona fronteiriça Macau – continente chinês

Macau refugiados 1958 (31.1)

Macau refugiados 1958 (26.1)

Macau refugiados 1958 (27.1)

Macau refugiados 1958 (28.1)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 28/09/2013 por em Macau 1958, Refugiados anos 50 e 60 e marcado , .

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.209.530 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

No livro “Meio Século em Macau” de J. J. Monteiro (José Joaquim Monteiro) composto por dois volumes, nas últimas páginas do Volume II estão as letras da canção “Macau (linda)”, que infelizmente não temos a gravação e nem se sabe se houve, talvez nos arquivos pessoais de algum macaense ou familiares. Trata-se de uma música […]

Brasão de Armas de Macau

Brasão de Armas de Macau

Os Brasões de Macau portuguesa são todos inspirados nos estilos heráldicos tradicionais da Europa. O primeiro brasão de armas de Macau foi usado até ao final do século XIX. É apenas constituído pelas armas de Portugal cercado pela inscrição Cidade do Nome de Deus, Não Há Outra Mais Leal. O segundo brasão de armas foi […]

Jantar de Boas-Vindas e Sessão de Abertura e do Encontro das Comunidades Macaenses–Macau 2019

Jantar de Boas-Vindas e Sessão de Abertura e do Encontro das Comunidades Macaenses–Macau 2019

A Sessão Solene de Abertura e Jantar de Boas Vindas do Encontro das Comunidades Macaenses – Macau 2019, oferecida pelo Governo da RAEM, foi realizada em 24 de Novembro de 2019 no Hotel Sheraton Grand Macao, Cotai Central, na Ilha da Taipa de Macau O Chefe do Executivo, Fernando Chui Sai On, cujo mandato se […]

%d blogueiros gostam disto: