Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Blogs para citar

Blog Caderno do Oriente de MJ

Nas minhas pesquisas na Internet achei algumas ligações para este blog que fala de Macau.  Já o conhecia de alguns tempos atrás. É didático e tem boas fotos.  Gostei! O que acho interessante do blog é quando você procura saber quem é o autor, em primeiro, constata que é uma autora que se identifica apenas pelas iniciais MJ, e só! Consta que ela é de Macau.

No perfil tem ligações para seus outros  blogs –Estrada do Mar Oriental e Flor de Lótus . No entanto, MJ não se identifica também.  Intrigado, cliquei no seu álbum de fotos do FlickR. Ah, aí até vi que me constava como seu contato, e o seu nome é Maria Janeiro.  Apenas isso! Sem sua foto.

Comento isso, pois quando se tem uma publicação na Internet, você acaba dandos detalhes de si.  A MJ é discreta, não se preocupa com a divulgação pessoal, apenas do que tem a divulgar de Macau.  Ainda se fosse um blog polémico, até poderia se dizer que se ocultava sob as iniciais, mas nada, o blog está longe disso.  Por tudo isso, tenho que tirar o chapéu para a MJ e fazer uma reverência pela sua discrição.  Parabéns pelo seu trabalho, minhas saudações!!! (clicar nas palavras em azul para visitar as publicações da MJ)

Nota: Aliás, outra publicação sobre Macau e em forma de blog.  Por isso que o PMM decidiu conciliar o site com divulgações em blog.

Blog Povos Cruzados (Malaca)

Obtive o link para este blog no de MJ acima.  Logo à entrada, o apelo “Colabore conosco – Salve a nossa cultura” e a “Pintura” de Gwen Alcantara – Para Conferência ou Exposição Fotográfica a reverter a favor da Comunidade Luso-descendente de Malaca contactar Cátia Bárbara Candeias”:

O blog é de “Cátia Bárbara Dias Candeias.Bolseira do Instituto Camões (2009-2011). Coordenadora do Projecto:Povos Cruzados-Futuros Possíveis, de Melaka, Malásia.

Inegavelmente, pús-me a pensar, daqui a quanto tempo, Macau e a Comunidade Macaense ficaria numa situação similar a Malaca? Está certo que os tempos são outros, que somos mais numerosos e muito mais estruturados que naqueles tempos, mas estariamos sujeitos viver numa situação meio parecida com o divulgado no blog num futuro longínquo ou não tão … ? Será que o número de falantes (do português) está a diminuir na comunidade macaense também?

Encerro esta postagem convidando-os para uma visita ao blog e ver o belo trabalho da Cátia Candeias, bem como, fazer uma reflexão sobre o nosso futuro, mesmo que talvez não estejamos vivos para ver se viveremos situação similar à Malaca, assim espero, mas avaliar o que podemos fazer para minimizar os riscos.


foto: Celebrações da UNESCO, Malaca 2010

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 19/07/2011 por em BLOGS E SITES, Hoje.

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.206.223 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

No livro “Meio Século em Macau” de J. J. Monteiro (José Joaquim Monteiro) composto por dois volumes, nas últimas páginas do Volume II estão as letras da canção “Macau (linda)”, que infelizmente não temos a gravação e nem se sabe se houve, talvez nos arquivos pessoais de algum macaense ou familiares. Trata-se de uma música […]

Brasão de Armas de Macau

Brasão de Armas de Macau

Os Brasões de Macau portuguesa são todos inspirados nos estilos heráldicos tradicionais da Europa. O primeiro brasão de armas de Macau foi usado até ao final do século XIX. É apenas constituído pelas armas de Portugal cercado pela inscrição Cidade do Nome de Deus, Não Há Outra Mais Leal. O segundo brasão de armas foi […]

Jantar de Boas-Vindas e Sessão de Abertura e do Encontro das Comunidades Macaenses–Macau 2019

Jantar de Boas-Vindas e Sessão de Abertura e do Encontro das Comunidades Macaenses–Macau 2019

A Sessão Solene de Abertura e Jantar de Boas Vindas do Encontro das Comunidades Macaenses – Macau 2019, oferecida pelo Governo da RAEM, foi realizada em 24 de Novembro de 2019 no Hotel Sheraton Grand Macao, Cotai Central, na Ilha da Taipa de Macau O Chefe do Executivo, Fernando Chui Sai On, cujo mandato se […]

%d blogueiros gostam disto: