Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Teresa Teng e a canção “The Moon Represents My Heart”

Não conhecia a canção A Lua Representa Meu Coração (The Moon Represents My Heart) ou em chinês Yuè liàng Dài biǎo Wǒ de Xīn, nem a Teresa Teng até que o Coral da Casa de Macau de São Paulo (hoje Vozes de Macau) a incluiu no seu repertório e a cantou no Encontro de 2007.  Depois, a Rita Botelho dos Santos, de Macau, numa das suas habituais boas apresentações,  cantou a canção (ouça o áudio no fim desta postagem) numa festa da Casa de Macau, acompanhada do violão do eficiente músico e maestro Vainer Dias Gomes, momento em que gravei o vídeo da apresentação e o divulguei na You Tube.  O motivo: residente no Brasil, não acompanhava as novidades musicais chinesas. Porém, achava a canção linda, muito sensível e romântica, o meu gênero, e ninguém soube me passar detalhes e quem era a cantora original, bem como não procurei pesquisar.

Hoje, por acaso, a ver uns vídeos no You Tube, vi a indicação do vídeo da Teresa Teng e aí me interessei a fazer uma pesquisa dela e da canção e eis o que li a respeito na Wikipédia em inglês adaptando o texto para publicação em português.  Vejam também três vídeos da You Tube e as letras de “A Lua Representa Meu Coração” em inglês, português e em chinês:

Teresa Teng

The Moon Represents My Heart” (Chinês: 月亮代表我的心; lê-se: Yuè liàng Dài biǎo Wǒ de Xīn) ou em tradução literal: “A Lua Representa Meu Coração”, é uma canção chinesa de autoria desconhecida e ficou famosa na voz da taiwanesa Teresa Teng nos anos 70. Uma canção de amor com ritmo de valsa, ainda continua um sucesso e foi gravada por diversos artistas desde a sua morte em 1995. Em São Paulo, Brasil, a comunidade macaense teve oportunidade de ouvir a bela canção na também bela voz da macaense (de Macau) Rita Botelho dos Santos, bem como faz parte do repertório habitual do coral Vozes de Macau, antigo coral da Casa de Macau de São Paulo.

Até o final da década de 70, a música estrangeira não era permitida na China por muitas décadas.  Esta canção tornou-se uma das primeiras canções estrangeiras (chamada de músicas gangtai) no País no contexto da nova Política de Abertura do País que está mantida e evoluída até os dias de hoje .A qualificação de “estrangeira” explica-se no termo “gangtai” que é derivado da abreviatura de “Kong” e “Tai”, que é geralmente utilizada para descrever a Música Popular Chinesa de Hong Kong ou Taiwan.  Na época Hong Kong ainda era uma colônia inglesa, bem como Taiwan ou Formosa até hoje independente da República Popular da China.

As canções de Teresa Teng revolucionaram a música na China pelas décadas seguintes.  Sua voz melodiosa era considerada a ideal para a música gangtai na época.  Ela tornou-se tão popular que em poucos meses ficou conhecida em toda China.  A canção “A Lua Representa Meu Coração” é considerada um de seus maiores sucessos.

Antes da introdução da música de Teresa Teng, as canções românticas não existiam na China, ou melhor, não eram permitidas.  Tal como definiu o diretor de cinema Jia Zhangke “‘The Moon Represents My Heart’ era algo completamente novo e assim as pessoas da minha geração foram contaminadas por este novo mundo pessoal e individual.  Pois até lá tudo era na forma do coletivo, não havia individualidade, uma regra do comunismo rígido.

Teresa Teng nasceu em Baozhong, Yunlin County, Taiwan, em 29 de Janeiro de 1953, e descende de uma família chinesa do Continente da região de Hebei.  Desde jovem ganhava premiação em concursos musicais, sendo a maior em 1964 quando cantou “Visiting Yingtai” num filme de ópera dos Shaw Brothers.  Seu jeito de cantar inspira simplicidade e sinceridade.  Um renomado professor chinês musical de Califórnia (EUA) disse: “foi a doçura da sua voz que a tornou famosa.  Ela tem uma voz perfeita para baladas e música folk, e ela acrescentou o estilo musical folk às composições ocidentais”.

Sua voz também foi descrita como “suave, doce, frequentemente sussurrante e refreada, capaz de atrair e hipnotizar os ouvintes. Outro compositor chinêsTsuo Hung-Yun dsse que a voz de Teresa era composta de “sete partes de doçura e e três partes de lágrimas”.  Ela fez show em vários Países inclusive em Paris por ocasião do protesto estudantil de 1989 em Tiananmen e proclamou o seu apoio à democracia, inclusive num concerto de protesto em Hong Kong, ainda colônia britânica, no mesmo ano, que reuniu 300mil pessoas.

Teresa Teng que cantava em várias línguas, o cantonense (dialecto chinês do Sul da China, como Hong Kong e Macau), o inglês, japonês e a sua língua nativa e oficial da China, o Mandarim, nunca conseguiu realizar o seu sonho de cantar na China continental, embora tenha havido convite do Partido Comunista chinês nos anos 90.  Isto devido ao seu falecimento prematuro em 8 de Maio de 1995, aos 42 anos de idade, vitimada por uma forte crise asmática enquanto estava em férias na Tailândia..  O enterro ganhou as “honras do Estado” e seu caixão foi envolto com a  bandeira de Taiwan.  Até hoje ela é venerada em toda a China, tanto da continental como da ilha de Formosa tornando-se um mito musical chinês.

Vídeo da canção “A Lua Representa Meu Coração”

e depois acompanhe com as letras da canção cantada em chinês-mandarim

月亮代表我的心

你问我爱你有多深,
我爱你有几分?
我的情也真,
我的爱也真,
月亮代表我的心.

nǐ wèn wǒ ài nǐ yǒu duō shēn ,
wǒ ài nǐ yǒu jǐ fēn ?
wǒ de qíng yě zhēn ,
wǒ de ài yě zhēn ,
yuèliàng dàibiǎo wǒ de xīn.

You’re asking me how deeply I love you
how long lasting is my love:
My affection is real,
my love is also real
The moon represents my heart

Você me pergunta quão profundamente eu te amo

Quão duradouro é o meu amor

Meu afeto é real

Meu amor também é real

A lua representa meu coração

你问我爱你有多深,
我爱你有几分?
我的情不移,
我的爱不变,
月亮代表我的心.

nǐ wèn wǒ ài nǐ yǒu duō shēn ,
wǒ ài nǐ yǒu jǐ fēn ?
wǒ de qíng bù yí ,
wǒ de ài bùbiàn ,
yuèliàng dàibiǎo wǒ de xīn.

You’re asking me how deeply I love you
how long lasting is my love:
My affection does not fade
my love does not change
The moon represents my heart

Você me pergunta quão profundamente eu te amo

Quão duradouro é o meu amor

Meu afeto não se desvanece

Meu amor não muda

A lua representa meu coração

轻轻的一个吻,
已经打动我的心,
深深的一段情,
教我思念到如今.
qīngqīng de yī ge wěn ,
yǐjīng dǎdòng wǒ de xīn ,
shēnshēn de yī duàn qíng ,
jiāo wǒ sīniàndào rújīn.

A soft kiss already moves my heart
A moment of deep affection
has made me miss you until today

Um beijo suave já comove o meu coração

Um momento de profundo afeto

me fez sentir sua falta até hoje

你问我爱你有多深,
我爱你有几分?
你去想一想,
你去看一看,
月亮代表我的心.

nǐ wèn wǒ ài nǐ yǒu duō shēn ,
wǒ ài nǐ yǒu jǐ fēn ?
nǐ qù xiǎng yī xiǎng ,
nǐ qùkān yī kàn ,
yuèliàng dàibiǎo wǒ de xīn.

You’re asking me how deeply I love you
how long lasting is my love:
Just go and think for a moment
just have a look for a moment
The moon represents my heart

Você me pergunta quão profundamente eu te amo

Quão duradouro é o meu amor

Basta ir e pensar por um momento

Basta ter um olhar para um momento

A lua representa meu coração

Neste vídeo Teresa Teng canta em inglês com uma dupla – Rhythm of The Rain

E, neste vídeo-clip, Teresa Teng canta uma canção chinesa num cenário tipicamente chinês

Teresa Teng

Ouça, a seguir, o áudio da canção “The Moon Represents My Heart” em versão acústica na voz da macaense Rita Botelho dos Santos, gravada ao vivo numa festa da Casa de Macau de São Paulo, acompanhada do violão do maestro e músico brasileiro Vainer Dias Gomes, que regeu o coral da Casa de Macau de São Paulo no Encontro Macau 2007.  A Rita depois cantou na tv brasileira Rede TV no programa da Luciana Gimenez, quando acompanhou o Fred Ritchie “Pau Pau” num especial criado em cima da sua pessoa, e que será motivo de uma postagem posterior.  Parabéns Rita, cantou perfeitamente numa voz suave e melodiosa, própria para a canção (clicar na seta):

 

Anúncios

3 comentários em “Teresa Teng e a canção “The Moon Represents My Heart”

  1. saruhashi
    23/09/2017

    Lendo a biografia da Teresa, ela foi um revolucionaria guerreira, lutou pelos direitos humanos, uma cantora fora do comum, realmente é a melhor cantora da asia.

  2. Ernesto
    25/03/2014

    Olá, Rogério. Notei o “sotaque” português na sua escrita. Tenho uma lembrança bastante apagada de macaenses na minha infância no Ipiranga. Aqui, em honra dos compositores, ajunto um informe da wikipedia:
    A letra da canção foi escrita por Sun Yi (孫儀) e a música foi composta por Weng Ching-hsi (翁 清溪). [3] Foi cantado pela primeira vez por Chen Fen-lan (陳芬蘭) em torno de de 1972 ou 1973 mas tornou-se famosa pela versão de Teresa Teng mais tarde na década de 1970. A interpretação de Teng, que é de três minutos e 29 segundos de duração, foi descrita como uma “canção de amor com uma cadência similar a valsa. ”
    http://en.wikipedia.org/wiki/The_Moon_Represents_My_Heart
    Teresa Teng é considerada uma das maiores vozes da Ásia e tantos anos depois de sua morte ainda tem um enorme fã-clube no Japão.
    Um abraço a todos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.021.510 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

Receitas de camarões e pimentas recheadas da gastronomia de Macau com Bosco Silva e Alex Airosa

Receitas de camarões e pimentas recheadas da gastronomia de Macau com Bosco Silva e Alex Airosa

A relembrar a aula de gastronomia realizada na Casa de Macau de São Paulo em 24/02/2008, ministrada pelos chefs João Bosco Quevedo da Silva e Herculano Alexandre (Alex) Airosa, seguem as fotos e receitas de camarões grandes recheados com ervas à moda de João Bosco Quevedo da Silva e pimenta recheada à moda do Alex Airosa. Na época, a coordenação das aulas e elaboração das […]

Procissão do Corpo de Deus em Macau

Procissão do Corpo de Deus em Macau

PROCISSÃO DO CORPO DE DEUS EM MACAU Texto, fotografias e legendas de Manuel V. Basílio (Macau) As cerimónias do Corpo de Deus, ou Corpus Christi, ou mais precisamente, a Solenidade do Corpo e Sangue de Cristo, decorrem habitualmente na quinta-feira seguinte a Domingo de Pentecostes, 60 dias depois da Páscoa, tendo este ano ocorrido no […]

“Adeus Macau” na voz de Isa Manhão no Encontro das Comunidades Macaenses de 2010

“Adeus Macau” na voz de Isa Manhão no Encontro das Comunidades Macaenses de 2010

Não há como não se emocionar ao ouvir a bela canção Adeus Macau, seja qual for o/a intérprete. Possivelmente uma lágrima ou outra poderá escorrer no seu rosto. Alguns associam a canção à transição de soberania de Macau para a China, que em 2019 completa 20 anos. Pode até servir, se quisermos considerar o adeus […]

%d blogueiros gostam disto: