Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P. D. Luz,

Faleceu Albano Cabral, em Macau

Faleceu nesta data, dia 24, no Hospital de São Januário, em Macau, Albano de Conceição Augusto Cabral, conforme e-mail de Eduardo Francisco e repassado por Rui Francisco, que acrescenta “celebra-se amanhã, sábado, dia 25/Agosto, pelas 20 horas, missa de corpo presente, na Casa Mortuária da Diocese. No dia seguinte, pelas 10:30 horas, realiza-se o funeral após missa no Cemitério de S. Miguel.”

Albano Cabral, conforme a matéria publicada em 2011 pelo site Projecto Memória Macaense, presidia a Associação dos ex-Alunos do Seminário de São José e ofereceu seu apoio para a realização do encontro de seus membros.

Hermann Castilho (Macau) assim descreveu no seu e-mail a participação do Albano no sucesso daquele encontro: “Para esse relativo sucesso, concorreu essencial e inequivocamente o colega Albano Cabral. Uma vez mais, de forma cristalina e exuberante ficaram demonstradas na pessoa dele colega as suas qualidades humanas, amor ao Seminário, amizade aos colegas, bom senso e equilíbrio, generosidade e solidariedade.   É ele , pois, bem digno de registo especial e até de louvor.”

Façamos uma oração pela paz da sua alma.

Em pé, da esquerda prara a direita:-Alfredo Valoma, José Cabral, Rufino Ramos, Jerónimo Hung;
Sentados:-Hermann Castilho, Albano Cabral(Presidente da Associação do Antigos alunos do Seminário de S.José),Bispo de Macau D.José Lai, Sebastião Rosa. (foto: Manuel Basílio)

*o autor deste blog é ex-aluno do Seminário de São José.  Veja outra postagem neste blog sobre o encontro de 2012 com fotos do Manuel Basílio (Macau).

Anúncios

2 comentários em “Faleceu Albano Cabral, em Macau

  1. rui francisco
    24/08/2012

    O desaparecimento de Albano Cabral será uma perda irreparável para os antigos alunos do Seminário de S.José de Macau e é pena porque assim MACAU tornou-se mais “pobre” e “triste”.

  2. hermann castilho
    24/08/2012

    Concordo plenamente com o Rui Francisco

    O Albano, também colega meu na PJ, foi o grande impulsionador do reviver dos convívios dos antigos alunos, particularmente do Externato do SSJM, e responsável pelo fomento da harmonia entre os mesmos.

    Incontestável e valioso elo de ligação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 865.110 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Fotoblog do Projecto Memória Macaense

Memórias de Macau de Todos os Tempos (01)

Nesta postagem do que poderia chamar de uma série “Memórias de Macau de Todos os Tempos”, remetendo-me a um vídeo que publiquei no YouTube (vide no final), publico umas fotos antigas recolhidas ao acaso do meu extenso acervo, ora já publicadas no site (inativo) do Projecto Memória Macaense, ou não, e também já republicadas por […]

O Ano Novo chinês celebrado pela comunidade macaense de São Paulo

O Ano Novo chinês celebrado pela comunidade macaense de São Paulo

Para celebrar o Ano Novo chinês de 2018, dando início ao Ano do Cão, a Casa de Macau de São Paulo reuniu a comunidade macaense e amigos para um almoço especial, recheado de boa comida chinesa de dar água na boca. Era a oportunidade para comer, infelizmente, uma vez ao ano, o chái, ou comida de […]

Uma foto, uma memória de 63 anos atrás em Macau

Uma foto, uma memória de 63 anos atrás em Macau

No almoço especial do Ano Novo chinês realizado na Casa de Macau de São Paulo em 18 de Fevereiro de 2018, o macaense José Noronha, 83 anos, andava a mostrar uma foto antiga para algumas pessoas que tinham mais ou menos a sua idade. Procurava ele matar as saudades dos velhos tempos em Macau. Macaense […]

%d blogueiros gostam disto: