Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Casa de Macau do Rio de Janeiro comemora 22 anos

Casa de Macau do Rio de Janeiro, sede própria

Casa de Macau do Rio de Janeiro, sede própria

A Casa de Macau do Rio de Janeiro comemorou no domingo passado, 23 de Junho, o seu 22º aniversário, o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.  O convite abaixo é bem explícito sobre a festa, e com a vossa licença, publico algumas fotos da boa confraternização coletadas da página no Facebook da CMRJ.

Parabéns à Casa, aos amigos e conterrâneos do Rio, à Direção e seus associados, de quem só tenho colecionado boas amizades, simpatia e cordialidade.  Um grande abraço fraternal!

Casa Macau Rio de Janeiro 22 anos (04)

Casa Macau Rio de Janeiro 22 anos (01)

Foto acima: da esquerda, o presidente Augusto Pina, e membros da direção: Juliana Nolasco da Silva, Iana Assumpção,Denny Carion e Silvana Linares. É de louvar a presença de jovens na sua composição, uma aposta na renovação, na continuidade e no futuro.

Casa Macau Rio de Janeiro 22 anos (02)

A HISTÓRIA DA CASA DE MACAU DO RIO DE JANEIRO

conforme o seu site no http://casademacaurj.com/

Com a emigração dos Macaenses que optaram o Brasil , foram chegando a partir de 1960 até 1980, pequenos grupos isolados de naturais de Macau e de Xangai. A grande maioria optou por São Paulo que à época oferecia empregos com maior facilidade, entretanto, um reduzido grupo escolheu Rio de Janeiro para fixar raízes.

Sempre que chegava algum conterrâneo de Macau era motivo de reunião na residência de alguém para que se pudesse ter notícias da nossa terra natal e aproveitando o ensejo eram servidos pratos típicos Macaenses ou Chineses para matarmos a saudade. Quando em 1989 a Casa de Macau-São Paulo foi constituida, Alexandre (Nino) Rodrigues tomou a iniciativa e cedeu espaço na sua casa, à Rua Francisco Muratóri para reuniões e almoços.

Com a colaboração de 24 Macaenses denominados sócios fundadores elaborou-se o Estatuto e foi fundada em Julho de 1991 a Casa de Macau Rio de Janeiro, elegendo Alexandre Rodrigues o 1° Presidente passando a funcionar como sede provisória  a sua residência, época em que se reunia mensalmente para encontros e almoços. Com a adesão de novos sócios e o falecimento prematuro do Alexandre Rodrigues tornou-se vital que conseguissemos uma sede, pois as reuniões ficaram esparsas pois ora era na residência de um ora de outro até que em1995 a Fundação Oriente passou a financiar nossos encontros mensais. Resumindo, em 1996, por intermédio dos Senhores José Pina (o então Presidente da CMRJ) e Alberto D’Assumpção (Diretor Cultural na época) e ajuda financeira do General Rocha Vieira, à época Goovernador de Macau e o Dr. Jorge Rangel, compramos o imóvel sito à Rua Gonzaga Bastos N°325, Vila Isabel, Rio de Janeiro, RJ, endereço da nossa sede.

Casa Macau Rio de Janeiro 22 anos (03)

a menina assopra as velas do aniversário para abrir as portas do futuro (texto deste blog)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.238.035 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

Hércules António e suas filmagens dos anos 50 e 60

Hércules António e suas filmagens dos anos 50 e 60

Foi graças a um dvd distribuído por um dos seus filhos, que possibilitou ao Projecto Memória Macaense – PMM montar diversos vídeos filmados por Hércules António que nos trazem velhas e memoráveis lembranças daquela Macau antiga que mora no coração dos macaenses e daqueles que tiveram vivência no território. Os vídeos publicados no YouTube nos […]

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

No livro “Meio Século em Macau” de J. J. Monteiro (José Joaquim Monteiro) composto por dois volumes, nas últimas páginas do Volume II estão as letras da canção “Macau (linda)”, que infelizmente não temos a gravação e nem se sabe se houve, talvez nos arquivos pessoais de algum macaense ou familiares. Trata-se de uma música […]

Brasão de Armas de Macau

Brasão de Armas de Macau

Os Brasões de Macau portuguesa são todos inspirados nos estilos heráldicos tradicionais da Europa. O primeiro brasão de armas de Macau foi usado até ao final do século XIX. É apenas constituído pelas armas de Portugal cercado pela inscrição Cidade do Nome de Deus, Não Há Outra Mais Leal. O segundo brasão de armas foi […]

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: