Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Eusébio foi o “carrasco” do Brasil na Copa de 1966

Eusebio Portugal (2)

O mundo chora a morte de Eusébio aos 71 anos, ou melhor, Eusébio da Silva Ferreira, o Pantera Negra, natural de Moçambique, considerado em Portugal como o melhor jogador de futebol de todos os tempos.

Seu maior sucesso foi na Copa do Mundo de 1966, no qual foi o artilheiro com 9 gols (golos) e Portugal quase chegou lá no topo, se não fosse a derrota para a Inglaterra por 2×1.  Acabou ficando com o terceiro lugar, a melhor colocação de Portugal em Copas, após derrotar a antiga União Soviética, e a Inglaterra sagrou-se campeã.

Eusebio Portugal

Apesar de amargar essa derrota, Eusébio teve o seu gostinho de “vingança” contra Pelé na competição mundial. Tudo começou na Copa Intercontinental de 1962 com a equipe do Benfica a representar novamente a Europa, após o insucesso em 1961.  Nos jogos contra o Santos do Pelé, o Eusébio, que fora suplente em 1961, já era titular da equipe portuguesa.

Em Maracanã, no Rio de Janeiro, diante de um público de 90 mil pessoas, Pelé marcou dois gols na derrota do Benfica para o Santos por 3×2. No segundo jogo, desta vez em Portugal, no Estádio da Luz, Pelé novamente marca 3 gols na vitória do Santos sobre o Benfica por 5×2.  Eusébio chegou a balançar as redes do adversário nos minutos finais, mas nada adiantou para tirar o silêncio do estádio português.

Eusébio marca para Portugal contra o Brasil

Eusébio marca para Portugal e elimina o Brasil na primeira fase da Copa de 1966

A “vingança” do Eusébio veio então em 1966, quando a Seleção do Brasil, bicampeã das duas Copas anteriores e novamente favorita ao título, após a derrota na primeira fase para a Hungria, dependia da vitória sobre Portugal para se classificar para a segunda fase. No entanto, Eusébio com dois gols e Simões com um, derrotou o Brasil por 3×1 eliminando a Seleção Canarinho precocemente. Abatido, Pelé deixou o gramado de Goodison Park, em Liverpool amargando a eliminação.

Pelé abatido com a derrota para Portugal na Copa de 1966

Pelé abatido com a derrota para Portugal na Copa de 1966

O vídeo do histórico Portugal 3×1 Brasil

* Quando expressada “vingança” (entre aspas) é meramente figurativo, um linguajar de futebol no Brasil.  No entanto o esporte/desporto, o termo a rigor (sem aspas) é desprezível, nunca se deve nutrir este pensamento, pois tudo é apenas competição que tem seus bons ou maus momentos apenas.

* fonte de consultas e imagens: MSN-BR, Google imagens-Getty e diasquevoam.blogspot

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.280.326 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

Hércules António e suas filmagens dos anos 50 e 60

Hércules António e suas filmagens dos anos 50 e 60

Foi graças a um dvd distribuído por um dos seus filhos, que possibilitou ao Projecto Memória Macaense – PMM montar diversos vídeos filmados por Hércules António que nos trazem velhas e memoráveis lembranças daquela Macau antiga que mora no coração dos macaenses e daqueles que tiveram vivência no território. Os vídeos publicados no YouTube nos […]

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

“Macau linda” música adaptada por J. J. Monteiro, foi interpretada por Rubye de Senna Fernandes

No livro “Meio Século em Macau” de J. J. Monteiro (José Joaquim Monteiro) composto por dois volumes, nas últimas páginas do Volume II estão as letras da canção “Macau (linda)”, que infelizmente não temos a gravação e nem se sabe se houve, talvez nos arquivos pessoais de algum macaense ou familiares. Trata-se de uma música […]

Brasão de Armas de Macau

Brasão de Armas de Macau

Os Brasões de Macau portuguesa são todos inspirados nos estilos heráldicos tradicionais da Europa. O primeiro brasão de armas de Macau foi usado até ao final do século XIX. É apenas constituído pelas armas de Portugal cercado pela inscrição Cidade do Nome de Deus, Não Há Outra Mais Leal. O segundo brasão de armas foi […]

%d blogueiros gostam disto: