Cronicas Macaenses

Blog-magazine de Rogério P. D. Luz, de cara nova

Eusébio foi o “carrasco” do Brasil na Copa de 1966

Eusebio Portugal (2)

O mundo chora a morte de Eusébio aos 71 anos, ou melhor, Eusébio da Silva Ferreira, o Pantera Negra, natural de Moçambique, considerado em Portugal como o melhor jogador de futebol de todos os tempos.

Seu maior sucesso foi na Copa do Mundo de 1966, no qual foi o artilheiro com 9 gols (golos) e Portugal quase chegou lá no topo, se não fosse a derrota para a Inglaterra por 2×1.  Acabou ficando com o terceiro lugar, a melhor colocação de Portugal em Copas, após derrotar a antiga União Soviética, e a Inglaterra sagrou-se campeã.

Eusebio Portugal

Apesar de amargar essa derrota, Eusébio teve o seu gostinho de “vingança” contra Pelé na competição mundial. Tudo começou na Copa Intercontinental de 1962 com a equipe do Benfica a representar novamente a Europa, após o insucesso em 1961.  Nos jogos contra o Santos do Pelé, o Eusébio, que fora suplente em 1961, já era titular da equipe portuguesa.

Em Maracanã, no Rio de Janeiro, diante de um público de 90 mil pessoas, Pelé marcou dois gols na derrota do Benfica para o Santos por 3×2. No segundo jogo, desta vez em Portugal, no Estádio da Luz, Pelé novamente marca 3 gols na vitória do Santos sobre o Benfica por 5×2.  Eusébio chegou a balançar as redes do adversário nos minutos finais, mas nada adiantou para tirar o silêncio do estádio português.

Eusébio marca para Portugal contra o Brasil

Eusébio marca para Portugal e elimina o Brasil na primeira fase da Copa de 1966

A “vingança” do Eusébio veio então em 1966, quando a Seleção do Brasil, bicampeã das duas Copas anteriores e novamente favorita ao título, após a derrota na primeira fase para a Hungria, dependia da vitória sobre Portugal para se classificar para a segunda fase. No entanto, Eusébio com dois gols e Simões com um, derrotou o Brasil por 3×1 eliminando a Seleção Canarinho precocemente. Abatido, Pelé deixou o gramado de Goodison Park, em Liverpool amargando a eliminação.

Pelé abatido com a derrota para Portugal na Copa de 1966

Pelé abatido com a derrota para Portugal na Copa de 1966

O vídeo do histórico Portugal 3×1 Brasil

* Quando expressada “vingança” (entre aspas) é meramente figurativo, um linguajar de futebol no Brasil.  No entanto o esporte/desporto, o termo a rigor (sem aspas) é desprezível, nunca se deve nutrir este pensamento, pois tudo é apenas competição que tem seus bons ou maus momentos apenas.

* fonte de consultas e imagens: MSN-BR, Google imagens-Getty e diasquevoam.blogspot

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 717,454 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Fotoblog do Projecto Memória Macaense

Memórias de S.Paulo 2006 – festa de aniversário da Casa de Macau

Memórias de S.Paulo 2006 – festa de aniversário da Casa de Macau

Passaram-se 11 anos, não parece muito, mas vários conterrâneos e amigos nas fotos que publico da festa do 17º aniversário da Casa de Macau de São Paulo em 2006, promovida em 29 de julho, não estão mais conosco. Ficaram os bons momentos registrados da boa confraternização. Vale um momento de reflexão para sempre procurarmos um […]

Vídeo “O silêncio de um bandolim” à memória de Adalberto Remédios

Vídeo “O silêncio de um bandolim” à memória de Adalberto Remédios

O que o Adalberto Remédios mais gostava era tocar o seu bandolim. Uma paixão desde jovem nos bons tempos antigos de Macau (ex-território português na China). Costumava tocar nas festas e atividades externas da Casa de Macau de São Paulo, formando um trio com o Clemente Badaraco (viola/violão/bandolim) e Manuel Ramos (baixo/percussão), até se mudar com […]

O Dia de Portugal na Macau portuguesa de 1973, em vídeo da RTP

O Dia de Portugal na Macau portuguesa de 1973, em vídeo da RTP

Outro vídeo da saudosa Macau sob administração portuguesa nas comemorações do Dia de Portugal em 1973, na época em que o governador era  o general Nobre de Carvalho . Faz parte dos arquivos da RTP Rádio e Televisão Portuguesa que foram disponibilizados ao público no seu aniversário de 70 anos. “Macau, Campo Desportivo 28 de […]

%d blogueiros gostam disto: