Cronicas Macaenses

Blog-magazine de Rogério P. D. Luz, de cara nova

A Copa do Mundo 2014 no Brasil tem início, e afinal “teve Copa”

Foi feriado em São Paulo que sediou o 1º jogo e a cerimônia de abertura.  Logo de manhã, a Av. Paulista esteve animada com muitos torcedores brasileiros e também croatas a fazer a maior festa, e lá no estádio Itaquerão os torcedores conseguiram chegar, aparentemente sem problemas apesar de tentativas de manifestantes do “contra” para bloquear a via Radial Leste. A polícia conseguiu impedir. Afinal de contas “teve Copa”, apesar da discreta cerimônia de abertura e o duvidoso pênalti, e o Brasil acaba conseguindo a sua vitória sobre a Croácia por um bom resultado de 3×1.

Foto da APP no site do Terra

Foto da APP no site do Terra

A discreta cerimônia de abertura …

Havia grande expectativa pelo show da cerimônia de abertura guardado a sete chaves, mas para decepção de muita gente, foi discreta, muito discreta, para não dizer – pobre.  Com todo respeito aos figurantes que se esforçaram ao máximo, mas com uma coreografia e tema desses, não conseguiriam fazer milagres.

Contrataram uma coreógrafa belga para contar a história do Brasil, engraçado não? Com tantos coreógrafos brasileiros de qualidade que saberiam bem contar a história do seu país, a responsável pela organização não quis confiar neles, julgo, e trouxe gente de fora mas acabou se dando mal.

A apresentação parecia um show escolar e pouco soube espelhar este país tropical. Quem esperava, como eu, batucada, escolas de samba etc, se decepcionou.  Afinal de contas, se o Carnaval faz sucesso para os olhos dos estrangeiros, qual o motivo de desprezar este item da cultura brasileira?

Com poucos figurantes que não conseguiu preencher todo o espaço livre do estádio, além do curto tempo da apresentação de 25 minutos apenas, o espetáculo apresentou arquibancadas bastante vazias, que somente conseguiu contentar o locutor de uma grande estação de tv que dizia ter sido o “mais bonito visto até hoje”.  Afinal, ele tinha uma função de enaltecer o espetáculo, seja qual for a qualidade.

A cantora brasileira Cláudia Leitte, ao lado da atriz americana Jennifer Lopez e Pitbull, cantaram ou melhor dublaram, com algumas falhas perceptíveis, a música oficial da Copa “We Are One”. Vestidas sensualmente conseguiram salvar o espetáculo no encerramento. Cláudia é uma figura polêmica: é tanto amada como odiada pelo público.  Eu, particularmente, a acho um show e gostei de ver a sua apresentação.

Arquibancadas não totalmente cheias …

Para quem não conseguiu comprar bilhetes para este jogo de abertura, como eu, teve que indagar, afinal de contas nem todas as cadeiras estavam ocupadas.  Olhando de uma forma ampla, tinha gente pra caramba, mas detalhadamente muitos “não foram”? Qual foi a jogada dos ingressos?

Hino do Brasil, incompleto, simplesmente não dá …

Não adianta. Não aprendem a lição!  Na Copa de Confederações, no ano passado, tocavam apenas um pequeno trecho do hino nacional e quando terminava a música, o povo continuava a cantar e os jogadores brasileiros também.

E repetiu-se a história na cerimônia, e julgo se repetirá em todos os jogos. O público brasileiro em coro seguiu cantando, bem como os jogadores com uma expressão de máximo esforço para entoar o mais alto possível o hino do Brasil.

Julgo que é um procedimento oficial, mas o “oficial” não respeita sentimentos nobres de um povo. Foi bonito e muito emocionante ver esta mostra de amor pelo país, independentemente de qual o governo e partido político.

Foto de Jefferson Bernardes / Vipcomm publicada no site do Terra

Foto de Jefferson Bernardes / Vipcomm publicada no site do Terra

O jogo …

A rigor, para mim, ao invés de Brasil 3 x Croácia 1, o resultado foi de 2×0. Gol contra é acidente e não mérito do adversário, e esse foi o 1º gol “da” Croácia. O gol do Neymar foi bonito e empatou o placar com mérito. Agora o pênalti que pôs o Brasil na frente foi duvidoso. Poucos concordaram que foi legítimo. Não se sabe se foi má interpretação do juíz ou que o Brasil tinha que vencer o jogo “de qualquer jeito”. Espero que tenha sido falha do juíz. Mas, ainda bem, que o terceiro gol foi todo de mérito da seleção brasileira que não estava bem na partida, enquanto que os croatas apresentaram um bom futebol que até mereciam um melhor resultado.

Assim, o Brasil segue em frente com um bom saldo de gols e acredito que irá se classificar em 1º nesta fase. Os jogadores, passado o nervosismo do jogo de estréia, voltarão a apresentar o seu bom futebol que tem chances de uma boa classificação na Copa, mas sem excesso de otimismo e sem o “já ganhou” que estão vendendo por aí numa certa tv.

Semana que vem, tem o jogo contra o México! Vamos torcer por um bom resultado do selecionado brasileiro.

Qual o motivo de ser do contra? …

Pôxa, você vê o povo em geral todo alegre com a Copa. Torcedores de todas as idades vestidos com as cores do Brasil, carros e casas enfeitadas embora um tanto tímidas. Gente alegre que conseguiu comprar seu bilhete a dirigir-se para o estádio ou aquele que quer chegar na sua casa para assistir pela tv ou nos telões espalhados pela cidade, qual o motivo de uma minoria tentar sacanear esta gente como eles, como nós, eu e você?

Se for para criticar o governo pelos altos gastos, que se espera sejam explicáveis, faça como o público brasileiro no estádio que fez a presidenta da República que se fazia acompanhada do presidente da FIFA a enfrentar altas e sonoras vaias diante de câmeras das tvs, apesar de ainda liderar as pesquisas para a sua reeleição nas eleições do fim de ano. Mas, não faça mal e nem sacaneie o povo.  Eu ficaria da vida se a caminho do estádio fosse impedido por alguém do “contra”. Iria querer tomar alguma atitude impensável, afinal estaria sendo sacaneado … Cada um com suas convicções, mas não tente impor as suas como numa ditadura “socialista”.

Quanto às vaias, é discutível embora compreensível para aquele que quisesse manifestar a sua desaprovação à pessoa e o partido, mas na hora a presidenta era uma pessoa jurídica que representava a Nação e não a senhora e o vermelho que queriam xingar. Dá o que falar!

Cristiano Ronaldo, o superstar em Campinas …

O treino da seleção portuguesa, hospedada na cidade de Campinas a 85 km de São Paulo, contou com um público de cerca de 10 mil pessoas (outras fontes dizem 6 mil), que foram lá especialmente para o ver o astro CR7, Cristiano Ronaldo, que parece estar recuperado da sua tendinite.  Fez um treino à parte com outros 6 jogadores.

Uma fã conseguiu invadir o gramado, mas foi logo agarrada por um segurança.  Só que para felicidade dela, após o treino, o CR7 mandou chamá-la e lá tiraram fotos e recebeu seu autógrafo na camiseta (camisola)  da seleção.

Ao final do treino, os jogadores portugueses numa atitude simpática, seguraram uma faixa “obrigado Campinas”.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 12/06/2014 por em Abertura e jogo e marcado .

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 682,996 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Fotoblog do Projecto Memória Macaense

Vídeo “O silêncio de um bandolim” à memória de Adalberto Remédios

Vídeo “O silêncio de um bandolim” à memória de Adalberto Remédios

O que o Adalberto Remédios mais gostava era tocar o seu bandolim. Uma paixão desde jovem nos bons tempos antigos de Macau (ex-território português na China). Costumava tocar nas festas e atividades externas da Casa de Macau de São Paulo, formando um trio com o Clemente Badaraco (viola/violão/bandolim) e Manuel Ramos (baixo/percussão), até se mudar com […]

O Dia de Portugal na Macau portuguesa de 1973, em vídeo da RTP

O Dia de Portugal na Macau portuguesa de 1973, em vídeo da RTP

Outro vídeo da saudosa Macau sob administração portuguesa nas comemorações do Dia de Portugal em 1973, na época em que o governador era  o general Nobre de Carvalho . Faz parte dos arquivos da RTP Rádio e Televisão Portuguesa que foram disponibilizados ao público no seu aniversário de 70 anos. “Macau, Campo Desportivo 28 de […]

Vídeo ‘Macau 70’ da RTP mata saudades, assista …

Vídeo ‘Macau 70’ da RTP mata saudades, assista …

Viajar ao passado de Macau, dos belos tempos dos anos 60 e 70, é o que nos proporciona o vídeo “Macau 70”, produzido pela RTP Rádio e Televisão Portuguesa. A comemorar 70 anos, a RTP disponibilizou no seu website os arquivos para consulta ‘on-line‘ e Macau está presente numa das suas seções. Na apresentação do […]

%d blogueiros gostam disto: