Cronicas Macaenses

Blog-magazine de Rogério P. D. Luz, de cara nova

As corridas do Grande Prémio de Macau de 2015 no sábado 21 de novembro

Fonte: CGPM

Fonte: CGPM

Sábado, dia 21 de novembro, foi o primeiro dia de corridas, provas classificativas. além de treinos que já vinham ocorrendo desde o dia 19, do 62º Grande Prémio de Macau de 2015.

A seguir, um descritivo de quatro corridas e da prova classificativa de Fórmula 3 que definiu a grelha de largada da corrida de domingo, que, juntamente com as fotografias, foram recolhidas do site oficial da Comissão Organizadora de acordo com os termos da Política de Privacidade.

  • Veja também a postagem sobre as corridas de domingo  22/11/2015 – clicar aqui

Texto e fotos do site oficial do 62º Grande Prémio de Macau – CGPM / GCS

MACAU ROAD SPORT CHALLENGE

Macau GPM 2015 Macau Road Sport Challenge 02

Origem: GCS

O piloto de Macau, Leong Ian Veng, ao volante de Mitsubishi Lancer EVO 9, venceu, hoje, a corrida popular para carros modificados de estrada, agarrando a bandeira axadrezada por menos de um segundo que o japonês Mitsuhiro Kinoshita, num Nissan GTR34. O terceiro a subir ao pódio foi Lo Kai Fung de Macau, que correu com um Mitsubishi Lancer EVO 7.

Leong começou a corrida de nove voltas da pole, tendo também liderado a tabela de tempos nos treinos livres, liderando o grupo de 26 carros desde as luzes à bandeira. Na primeira volta, o safety car foi chamado à pista depois de um incidente que envolveu vários carros. Quando a corrida foi retomada à quinta volta, Leong agarrou a liderança, com Kinoshita e Lo atrás dele.(CGPM/GCS)

Macau GPM 2015 Macau Road Sport Challenge 05

Origem: GCS

CENAS FORA DA PISTA

Macau GPM 2015 fora da pista 62

Origem: CGPM

Macau GPM 2015 fora da pista 59

Origem: GCS

SUNCITY LOTUS CELEBRITY CUP

Macau GPM 2015 Suncity Lotus Celebrity Cup Race 03

Origem: GCS

Sin Ling Fung de Hong Kong venceu a corrida inaugural da Suncity Lotus Celebrity Cup depois de uma espectacular corrida de 10 voltas. A começar da quarta posição da grelha, Sin saltou rapidamente para o terceiro, começando numa batalha pela liderança com o homem da pole, Mak Ka Lok de Macau e com Vincent Chao Wai Yew de Hong Kong.

Sin agarrou a liderança à terceira volta e começou a aumentar a vantagem, cruzando a bandeira axadrezada por 5.203 segundos. Chao ultrapassou Mak na quinta volta conseguindo assim o segundo lugar, com Kevin Liu Chun Ki de Hong Kong a conquistar o último lugar do pódio, depois de apanhar Mak nos últimos minutos da corrida. Mak acabou por ficar na quinta posição, atrás do piloto de Hong Kong Yu Kam Cheong, o quarto. A Suncity Lotus Celebrity Cup é a mais recente adição ao programa de corridas de apoio, com os pilotos a correrem em carros idênticos da Lotus Elise, providenciados pela RICHBURG LOTUS.(CGPM/GCS)

CENAS FORA DA PISTA

PROVA CLASSIFICATIVA DO GRANDE PRÉMIO DE MACAU DE FÓRMULA 3

Macau GPM 2015 Fórmula 3 prova classificatória 09

Origem: GCS

Rosenqvist vence corrida de qualificação para o Grande Prémio de Macau de Fórmula 3

Felix Rosenqvist ficou com a vitória da corrida de qualificação do Grande Prémio de Macau de Fórmula 3 – Grupo Suncity, depois do vencedor da prova, Antonio Giovinazzi, ter sido penalizado pela colisão com Daniel Juncadella.

Rosenqvist, o homem da pole, conseguiu um arranque limpo e vantajoso do seu SJM Theodore Racing by Prema, com Juncadella a enfiar-se atrás dele na corrida para o Lisboa.

Mas na curva, Giovinazzi conseguiu mostrar a sua força a Juncadella, disputando lado-a-lado na corrida para a Curva de S. Francisco, com os carros a tocarem-se.

Juncadella fez pião colidindo nas barreiras, para logo ser atingido por vários dos seus adversários, o que forçou ao safety car.

No reinício da corrida à terceira volta, Giovinazzi aproveitou o cone de aspiração para ultrapassar Rosenqvist e agarrar a liderança antes do Lisboa. O piloto da Carlin conseguiu um grande avanço, com Charles Leclerc na terceira posição.

Atrás do trio principal, à quarta volta, Alexander Sims tirou a quarta posição a Sam MacLeod na corrida para o Lisboa, preparando-se para reduzir o intervalo entre ele o concorrente da frente.

Na frente, o hiato entre Giovinazzi e Rosenqvist ficou em apenas 1 segundo de diferença, antes de um empurrão na última volta os ter colocado ainda mais próximos. Num último esforço, Rosenqvist conseguiu aproximar-se do cone de aspiração de Giovinazzi na corrida para o Lisboa, mas não conseguiu ultrapassá-lo.

Entretanto, um erro cometido por Rosenqvist na Curva Melco, onde ficou trancado, deixou Giovinazzi claramente à frente para agarrar a vitória por 1.9 segundos.

Macau GPM 2015 Fórmula 3 prova classificatória 04

Origem: CGPM

No entanto, Giovinazzi acabou por cair para a 10.ª posição depois do colégio de comissários o ter responsabilizado pelo acidente de Juncadella, entregando a vitória a Rosenqvist.

“Se o Antonio merece a penalidade ou não, eu não sei, mas ele fez uma corrida excelente,” disse Rosenqvist. “Pode não ser a melhor forma de vencer, mas é bom para amanhã”.

Lclerc chegou 0.5 segundos atrás de Rosenqvist depois do incidente da Melco, com Sims a ocupar o último lugar do pódio, à frente de MacLeod e Markus Pommer. (CGPM/GCS)

Macau GPM 2015 Fórmula 3 prova classificatória 03

Origem: CGPM

Macau GPM 2015 Fórmula 3 prova classificatória 06

Origem: CGPM

Macau GPM 2015 Fórmula 3 prova classificatória 11

Origem: GCS

Macau GPM 2015 Fórmula 3 prova classificatória 14

Origem: CGPM

CENAS FORA DA PISTA

Macau GPM 2015 fora da pista 58

Origem: GCS

Macau GPM 2015 fora da pista 57

Origem: CGPM

49º GRANDE PRÉMIO DE MOTOS DE MACAU

Macau GPM 2015 49.º Grande Premio de Motos de Macau 08

Origem: CGPM

Hickman vence corrida emocionante de 12 voltas em Macau

Peter Hickman (Briggs Equipment BMW) teve uma vitória espectacular no 49º Grande Prémio de Motos de Macau – Grupo Suncity, numa corrida tão renhida como prova a margem final de 6.2 segundos.

A segunda posição foi para Martin Jessopp (Riders Motorcycles BMW), uma recompensa amarga por todo empenho e andamento que teve no fim-de-semana. Definitivamente o mais rápido na qualificação e no aquecimento, apostou suficientemente no arranque numa vantagem inicial com pneus mais macios e assim manter a liderança até ao fim das 12 voltas. Mas a meio da prova os dados rodaram a favor de Hickman e Jessopp não conseguiu responder, apesar de manter grande distância do restante grupo de corredores, de tal forma que o segundo lugar nunca teve em questão.

Depois de uma batalha de 12 voltas, Michael Rutter (Penz13.com BMW) terminou a prova no terceiro lugar, adicionando mais um pódio às suas “pratas” conquistadas em Macau, mas falhando a possibilidade de bater o seu próprio recorde de oito vitórias apenas por dez segundos – essa foi a margem de diferença entre o primeiro e o terceiro lugares, numa tarde onde dezenas de corredores deram o seu melhor para alcançarem o pódio.

Macau GPM 2015 49.º Grande Premio de Motos de Macau 02

Origem: CGPM

Hickman disse: “É absolutamente fantástico! Esta é a minha segunda vez em Macau. Eu não corro em estrada há muito tempo, mas os campeonatos britânicos de Superbike têm sido bem difíceis nos últimos anos. Mas é fantástico poder correr em ambos.”

“Todos nós sabíamos desde os treinos e qualificações que Martin Jessopp era muito forte, e o andamento que ele tinha comparado com todos os outros parecia de mais, para ser honesto. Eu estava com pneus Dunlop e Jessop e Rutter com diferentes, por isso sabíamos que íamos ser fortes para a segunda metade da corrida, e calculei que Martin fosse afastar-se nas primeiras cinco a seis voltas, mas esperava aproximar-me dele. Martin conseguiu uma volta tão rápida. Pensei, apenas preciso de ser correcto, não cometer erros e ir o mais rápido que conseguir. Assim que tive oportunidade, ao aproximar-me do Lisboa aproveitei para ultrapassá-lo de imediato. Felizmente, o plano deu certo.”

Ao longo da corrida Rutter envolveu-se numa disputa feroz, num potencial de quem é quem em corrida de estrada, trocando de lugar com Gary Johnson, também ele da equipa de motos Penzkofer, com Ian Hutchinson vencedor em 2013 e numa Paul Bird Kawasaki, que ia tentando agarrar o terceiro degrau do pódio. Entretanto, a dupla da Honda John McGuinness e Conor Cummins teve uma contemplação por breves momentos que não foi mais de uma fracção de segundos, com a corrida desenrolar-se numa sequência ininterrupta de voltas dramáticas.

Macau GPM 2015 49.º Grande Premio de Motos de Macau 06

Origem: CGPM

McGuinness, o corredor de estrada mais bem sucedido da sua geração, que deu ao público as emoções finais, precipitando-se e passando Gary Johnson no lado errado do asfalto na esquerda interminável da Curva D. Maria numa jogada merecedora de vitória, foi certamente um momento de cortar a respiração nesta corrida excepcional de 30 minutos. (CGPM/GS)

Macau GPM 2015 49.º Grande Premio de Motos de Macau 09

Origem: CGPM

CENAS FORA DA PISTA

TAÇA DA CORRIDA CHINESA

Macau GPM 2015 Taça da Corrida Chinesa 03

Origem: GCS

Ho Hon Keong, em representação da Associação Geral do Automóvel Macau-China (AAMC), venceu a segunda edição da Taça da Corrida Chinesa. Ho arrancou da pole e no final da corrida (10 voltas) tinha conseguido uma liderança com a vantagem de nove segundos. O segundo a subir ao pódio foi Cui Ye, a correr em nome da sua entidade local reguladora do desporto motorizado (ASN), Federação do Desporto Automóvel da República Popular da China (FASC), com Lo Ka Chun a terminar em terceiro lugar e a representar a Associação de Automóvel de Hong Kong (HKAA). A corrida inclui pilotos da FASC, da Chinese Taipei Motor Sports Association, da HKAA e ainda da AAMC, que correm em carros idênticos BAIC Motor Senova D70. (CGPM/GCS)

CENAS FORA DA PISTA

Macau GPM 2015 fora da pista 53

Origem: GCS

Macau GPM 2015 fora da pista 51

Origem: CGPM

Anúncios

Um comentário em “As corridas do Grande Prémio de Macau de 2015 no sábado 21 de novembro

  1. Pingback: Grande Prémio de Macau de 2015: as corridas de domingo 22 de novembro | Crônicas Macaenses

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 26/11/2015 por em GP Macau 2015-sábado e marcado , .

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 694,742 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Fotoblog do Projecto Memória Macaense

Memórias de S.Paulo 2006 – festa de aniversário da Casa de Macau

Memórias de S.Paulo 2006 – festa de aniversário da Casa de Macau

Passaram-se 11 anos, não parece muito, mas vários conterrâneos e amigos nas fotos que publico da festa do 17º aniversário da Casa de Macau de São Paulo em 2006, promovida em 29 de julho, não estão mais conosco. Ficaram os bons momentos registrados da boa confraternização. Vale um momento de reflexão para sempre procurarmos um […]

Vídeo “O silêncio de um bandolim” à memória de Adalberto Remédios

Vídeo “O silêncio de um bandolim” à memória de Adalberto Remédios

O que o Adalberto Remédios mais gostava era tocar o seu bandolim. Uma paixão desde jovem nos bons tempos antigos de Macau (ex-território português na China). Costumava tocar nas festas e atividades externas da Casa de Macau de São Paulo, formando um trio com o Clemente Badaraco (viola/violão/bandolim) e Manuel Ramos (baixo/percussão), até se mudar com […]

O Dia de Portugal na Macau portuguesa de 1973, em vídeo da RTP

O Dia de Portugal na Macau portuguesa de 1973, em vídeo da RTP

Outro vídeo da saudosa Macau sob administração portuguesa nas comemorações do Dia de Portugal em 1973, na época em que o governador era  o general Nobre de Carvalho . Faz parte dos arquivos da RTP Rádio e Televisão Portuguesa que foram disponibilizados ao público no seu aniversário de 70 anos. “Macau, Campo Desportivo 28 de […]

%d blogueiros gostam disto: