Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Macau: Memórias do Seminário de São José (2)

Seminário de São José - passeios nas Ilhas de Macau

Seminário de São José – passeios nas Ilhas de Macau

(atualização 01/03/2013 – legenda foto 5)

SEMINÁRIO DE SÃO JOSÉ – MACAU

PASSEIOS E PIQUENIQUES NAS ILHAS DE TAIPA OU COLOANE NOS ANOS 50/60

(clicar nas fotos para aumentar, e depois mais uma vez com a lupa em +)

Nesta segunda (2) postagem de Memórias do Seminário de São José, em Macau, seis fotos relembram os passeios ou piqueniques nas Ilhas, Taipa e Coloane.  Apesar da pequena distância entre a península de Macau às Ilhas, em primeiro, a Taipa, o percurso naqueles tempos era apenas feito por barcos, um tanto precários, e eram programados previamente, a tal ponto que parecia ser uma viagem para um lugar distante. Hoje, Macau é ligado a Taipa por três pontes e depois desta ilha a Coloane por uma avenida.  De um modo é como se fossem um bairro, que poderia ser alcançado a pé, mas é fato raro e é normalmente feito por veículos.  Numa cidade pequena, as distâncias ora pequenas são grandes. Um costume!

Atualização 03/02/2013: Comentário de um ex-aluno, Carlos Dias, no Facebook, que aqui publico, agradecendo as suas generosas palavras e informações sobre o autor das fotos.  O Carlos foi colega do meu saudoso irmão José Carlos Dias da Luz nos velhos tempos do Seminário:

Carlos Dias: Rogério P D Luz, os meus parabéns por divulgar as fotos das actividades dos antigos alunos do Seminário nos anos de 1950/1960. Fez um óptimo trabalho que merece ser enaltecido por esse facto.
O cd-rom continha mais de 200 fotos. Foram feitas dezenas de cópias naquela altura (Março 2001) e distribuídas. Oportunamente, faço-lhe chegar uma cópia do mesmo.
Lembro-me de que o nosso prefeito da escola Pe. Ramiro dos Anjos Marta era autor das fotos dos passeios escolares às ilhas de Taipa e Coloane. Havia 2 passeios por ano: Um, no inverno para escalar montanha e outro, no verão para ir às praias. As fotos postadas no blogue Crónicas Macaenses: Memórias do Seminário de S. José (2), em que também estive presente naqueles passeios, foram tiradas por ele. Ainda lembro bastantes nomes dos colegas nas fotos…

Era uma alegria esses piqueniques, com passeios pela praia e escalar (se diz trepar) montanhas

Era uma alegria esses piqueniques, com passeios pela praia e escalar (se diz trepar) montanhas

Numa escalada de montanha

Numa escalada de montanha

a garotada sempre gosta de ficar em lugares "perigosos" como em cima de uma pedra enorme

a garotada sempre gosta de ficar em lugares “perigosos” como em cima de uma pedra enorme

divulgação blog Cronicas Macaenses de Rogerio P.D. Luz

legenda oto00153_leg

Foto acima – Legenda por Carlos Dias

Padre Mendes em companhia dos alunos do Seminário de São José

Padre Mendes em companhia dos alunos do Seminário de São José

* As fotos de autoria desconhecida foram enviadas por um ex-aluno residente em Macau, que prefere não ter o seu nome revelado, para compartilhar com conterrâneos, ex-alunos e o mundo.

2 comentários em “Macau: Memórias do Seminário de São José (2)

  1. José Bárbara Branco
    08/12/2017

    Procuro uma fotografia do padre Ezequiel Enes Pascoal. Pode ajudar-me?
    Cumprimenta,
    José Bárbara Branco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.076.216 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

Missa e Te-Deum no Encontro das Comunidades Macaenses-Macau 2019

Missa e Te-Deum no Encontro das Comunidades Macaenses-Macau 2019

Como já vem acontecendo nos Encontros das Comunidades Macaenses realizadas em Macau, o programa de 2019 incluía uma missa e Te-Deum na Sé Catedral que foi celebrada no dia 26 de Novembro às 18:00 horas pelo Bispo de Macau, D. Stephen Lee Bun-sang. Uma celebração religiosa e ação de graças para agradecer por mais uma […]

O hotel em Macau que é uma galeria de arte

O hotel em Macau que é uma galeria de arte

O Hotel Casino (Cassino) Lisboa, de Macau, inaugurado em 3 de Fevereiro de 1970, seis anos após o início das obras em 1964, o primeiro dos tempos modernos do outrora território português na China por cerca de 440 anos, e devolvido para a China em 1999, é por excelência uma galeria de arte com peças […]

Num período de 52 anos, três encontros de amigos macaenses

Num período de 52 anos, três encontros de amigos macaenses

O macaense Carlos Cordeiro, hoje residente no Canadá, enviou ao autor deste blog, três fotos que espelham bem o convívio dele com dois amigos macaenses: Fernando Placé e José (Zé) Cabral, num período de 52 anos, de 1967 a 2019. Interessante ver o cuidado de fotografar o momento na mesma posição da foto original de […]

%d blogueiros gostam disto: