Cronicas Macaenses

Blog-foto-magazine de Rogério P D Luz

Memórias de Macau: Campo de Tap Seac na década de 1940

Macau Tap Seac antigo memorias RM

Foto do Arquivo Histórico de Macau publicada pela Revista Macau

(Atualização 21/01/2016: Veja mais abaixo, no final da postagem, nova imagem e explicação sobre o significado em chinês de Tap Seac)

Publicação da Revista Macau, edição de Outubro de 2015, em Memórias, lembra o – Campo de Tap Seac – na década de 1940. Vejamos:

CAMPO DE TAP SEAC NA DÉCADA DE 1940

Com uma área de cerca de 13 mil metros quadrados, o antigo Campo do Tap Seac resultou de um aterro em 1905 a um pântano que aí existia, rodeado por uma colina com três enormes rochedos que foram também destruídos. Esse era um dos locais favoritos das crianças – muitas delas do Asilo dos Órfãos e Idosos da zona – para pôr os seus papagaios a voar.

Mais tarde, quando foi construído o Liceu, o campo passou a ser usado para o recreio dos alunos. Pouco a pouco na década de 1920, vários edifícios neoclássicos foram sendo erguidos e construiu-se um campo desportivo, onde o hóquei era uma das maiores atracções.

Em 2007, o campo deu lugar ao que agora é a Praça do Tap Seac, a maior de Macau, concebida pelos arquitectos Carlos Marreiros e José Maneiras e pelo engenheiro civil Chui Sai Peng. É sobretudo utilizada para grandes eventos, como a Parada Latina, em Dezembro, e feiras culturais.

Década de 40 - Origem: Revista Macau

Década de 40 – Origem: Revista Macau

Atividade desportiva no Campo de Tap Seac nos anos 50 ou 60

Acervo de ex-aluno do Seminário de São José

Acervo de ex-aluno do Seminário de São José

  • Comentários na publicação do link no Facebook:

Filipe Rosario – Conheci este campo como na foto.

Antonio Cameirão Braga – Sim Filipe eu também. Que memória deste campo de tap seac! Vi tantos jogos de hóquei de campo neste local.

Jorge Coimbra –  Campo da Caixa Escolar (não sei quando lhe deram esse nome), local dos treinos e jogos de hóquei em campo e de brincadeiras da criançada que morava junto ao campo nos anos cinquenta (antes e depois).

Api Rosario – Boas memórias.

Lidia Pedruco – Meu irmão jogou muito hoquei aí qdo esse campo era desportivo!!!

Atualização 21/01/2016

Texto de M.V. Basílio (Macau)

Gravura de George Chinnery

Tap Seac em gravura de George Chinnery (Colina da Guia ao fundo)

O nome “Tap Seac” (疊 石) significa pedras ou rochas empilhadas (ou amontoadas), enquanto que “T’áp Seac” (塔 石) significa torre de pedra. O dialecto cantonense, com os seus nove tons, dá origem a frequentes variações fonéticas, sobretudo quando há uma semelhança ou aproximação na pronúncia de caracteres. Pelo desenho, penso que aquela zona era inicialmente designada por “Tap Seac” (疊 石), devido à configuração das rochas dispostas no local, mas a pronúncia do primeiro caracter foi gradualmente deturpada, passando a ser T’áp Seac (塔石).  Se tivesse lá existido uma torre de pedra, a designação correcta, em chinês, seria 石塔 Seac T’áp e não 塔石 T’ap Seac.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 14/01/2016 por em Campo Tap Seac 1940 e marcado , , , .

Autoria do blog-magazine

Rogério P. D. Luz, macaense-português de Macau, ex-território português na China, radicado no Brasil por mais de 40 anos. Autor dos sites Projecto Memória Macaense e ImagensDaLuz.

Sobre

O tema do blog é genérico e fala do Brasil, São Paulo, o mundo, e Macau - ex-colônia portuguesa no Sul da China por cerca de 440 anos e devolvida para a China em 20/12/1999, sua história e sua gente.
Escrita: língua portuguesa escrita/falada no Brasil, mas também mistura e publica o português escrito/falado em Portugal, conforme a postagem, e nem sempre de acordo com a nova ortografia, desculpando-se pelos erros gramaticais.

Pesquise por tema e localidade (ordem alfabética)

Últimas 150 postagens

Estatísticas do blog

  • 1.188.287 hits

Monitoramento de visitas – contagem desde 01/Nov/2011

free counters

Postagens recentes: Blog do Projecto Memória Macaense

Brasão de Armas de Macau

Brasão de Armas de Macau

Os Brasões de Macau portuguesa são todos inspirados nos estilos heráldicos tradicionais da Europa. O primeiro brasão de armas de Macau foi usado até ao final do século XIX. É apenas constituído pelas armas de Portugal cercado pela inscrição Cidade do Nome de Deus, Não Há Outra Mais Leal. O segundo brasão de armas foi […]

Jantar de Boas-Vindas e Sessão de Abertura e do Encontro das Comunidades Macaenses–Macau 2019

Jantar de Boas-Vindas e Sessão de Abertura e do Encontro das Comunidades Macaenses–Macau 2019

A Sessão Solene de Abertura e Jantar de Boas Vindas do Encontro das Comunidades Macaenses – Macau 2019, oferecida pelo Governo da RAEM, foi realizada em 24 de Novembro de 2019 no Hotel Sheraton Grand Macao, Cotai Central, na Ilha da Taipa de Macau O Chefe do Executivo, Fernando Chui Sai On, cujo mandato se […]

Festival de Gastronomia de Macau

Festival de Gastronomia de Macau

Todos os anos, no mês de Novembro, o Festival de Gastronomia de Macau (Macau Food Festival) que é realizado na Praça do Lago Sai Van, bem ao lado da Torre de Macau (Macau Tower). atrai multidões, tanto residentes como turistas, como foi o nosso caso em 2019, pela variedade de comida chinesa, asiática, como a […]

%d blogueiros gostam disto: